Logo da Favorita Transportes

Cross Docking: uma ótima resposta aos modelos tradicionais de entrega

DicasRedação Favorita13 de fevereiro de 2023
Cross Docking: uma ótima resposta aos modelos tradicionais de entrega

Imagine começar um e-commerce sem ter que se preocupar com estoques que requerem estruturas muitas vezes complexas: de softwares de controles, PDVs, até profissionais que para organizar os seus produtos para pronta-entrega mais efetiva. O dia a dia se inicia de modo otimizado, tendo de se concentrar apenas no marketing e nas campanhas publicitárias da sua empresa. Para muitos pode parecer utopia, mas acredite é.

Essa condição é possível e não estamos falando de Drop Shipping, embora possam ser assumidas como modelos similares em alguns aspectos. “Então, do que estão falando?”, talvez seja a sua pergunta.

Estamos falando do Cross Docking, uma metodologia de entregas que garante agilidade, praticidade e conexão entre os mais diversos setores.

Se você quer aprender sobre o que é Cross Docking e como ele pode te ajudar, esse artigo é ideal para você. Leia atentamente.

 

Vamos lá?

 

O que é Cross Docking?

É uma estratégia para o processo de logística e fluxo de mercadorias. Em um centro de distribuição (CD) os produtos enviados pelos fornecedores são recebidos, preparados e separados, até que saiam para entrega no endereço do cliente. Em síntese, para nós que lidamos diariamente com os transportes e entregas, consiste em receber de um lado para expedir do outro, garantindo a segurança e eficiência.

Talvez você esteja se perguntando: “então o cross docking é um processo intermediário, até que chegue nas mãos do comprador?” E a resposta é sim, seja para negócios B2B ou B2C.

Há, ainda, quem chame esse tipo de transporte de outbound, em referência ao significado em inglês (saída). Levando em conta uma perspectiva mais abrangente e integrada das ações da entregadora.

 

Diferenças entre Cross Docking e Drop Shipping

Como dissemos no início, Cross Docking não deve ser confundido com Drop Shipping. Podemos dizer que o Cross Docking é uma possibilidade de entregas em que o fornecedor se preocupa apenas em fornecer, mas não em entregar. Já no Dropshipping a responsabilidade da entrega continua sendo da fornecedora.

Com o Cross Docking a responsabilidade da entrega é descentralizada.

 

Uma solução viável para os problemas de logística

Segundo pesquisa feita pela NielsenIQ|Ebit, em parceria com a Bexs Pay, no primeiro semestre de 2022 os e-commerces brasileiros geraram cerca de R$ 118,6 bilhões. Mas, com as vendas aumentando, as complexidades logísticas também se mostraram maiores.

Se por um lado o número de atrasos em entregas e extravio cresceu, de maneira proporcional ao aumento de vendas - na última Black Friday (2022) chegou à marca de 17,4%, enquanto que o percentual de pedidos não entregues foi de 15,18% -, por outro podemos ver a força do Cross Docking como uma grande solução para os novos desafios, uma vez que o Cross Docking divide as responsabilidades pelas partes envolvidas, permitindo que haja um fluxo maior de entregas, em tempo determinado e hábil. Em síntese, o Cross Docking mitiga problemas e falhas de entregas.

Outro problema que muitas vezes prejudica as entregas são as grandes distâncias. Com o Cross Docking, essas distâncias deixam de ser um obstáculo, uma vez que as empresas responsáveis pelo fornecimento precisam garantir apenas que o produto chegue na cidade de destino para que a empresa especializada em Cross Docking possa fazer a entrega final. Como dissemos acima, o Cross Docking mitiga problemas na hora da entrega e favorece uma política interna aplicada ao just-in-time - que nada mais é do que um controle de produção de determina os momentos exatos para cada ação: do recebimento à entrega -, uma vez que permite a centralização da entrega nas suas regiões de destinos.

 

Dicas para implementar o Cross Docking

Se você deseja implementar esse processo, precisa considerar ao menos 3 dicas. Confira:

 

1 - Desenvolva uma boa comunicação externa

Uma das principais falhas na hora da entrega de um produto é com a comunicação. Sabemos que imprevistos sempre acontecem e para que sejam solucionados de modo efetivo, favorecendo sempre a boa experiência do cliente final, é preciso que haja uma linha de comunicação realmente efetiva. Invista em canais de comunicação.

 

2 - Tenha um bom ERP

Invista em um bom sistema de gestão empresarial. Fazer a gestão de todas as demandas significa saber todos os status de cada entrega, sua origem e destino. Sem isso, é impossível solucionar problemas que naturalmente surgem no dia a dia.

 

3 - Faça testes práticos

Simule entregas em modalidade de Cross Docking e veja se sua condições atuais estão em conformidade. Assim, você evitará dores de cabeça futuras. Revise a cadeia de suprimentos e todo o desenvolvimento possível.

 

Por fim…

 

Precisamos perguntar: você já conhecia sobre Cross Docking? Seja qual for a sua resposta, caso queira saber mais ou precise de um parceiro de transporte especializado, nosso time de atendentes estará de braços abertos esperando por você!

 

Fale conosco AGORA MESMO!

Compartilhe:
Imagem de fundo whatsapp
Favorita Transportes

Olá, como posso ajudá-lo?

08:19